Arquivo: Receitas

Receitas

Lulinhas Fritas

Por Carla Rocha

Estas Lulinhas Fritas têm sabor a Olhão :), sabor a casa. São rápidas e fáceis de fazer, basta seguir as indicações da receita, que não tem como falhar. O truque está no descartar a água que as lulas largam no início da cozedura. Este truque tanto pode ser usado com estas lulinhas, como com lulas de maior tamanho, resulta sempre. Aqui em casa, gostamos de acompanhar as Lulinhas Fritas com Batata também frita, temperada com Alho em Pó e Sal e também com salada, hoje foi de Alface. Espero que goste da sugestão!

Percebes ou Perceves

Por Carla Rocha

Por aqui chamamos Percebes, mas podem ser chamados de Perceves ou também já ouvi chamar Percebas. O nome pouco interessa, o importante é mesmo, que este marisco é delicioso e com um marcante sabor a mar. Confesso que em Olhão, pouco comia Percebes era mais bivalves, pois não é um marisco que se apanhe na zona, contudo desde que vim para o norte do país, que tenho acesso mais fácil e muito mais barato, pelo que de vez em quando, lá vamos nós até Angeiras à procura dos pescadores para comprar Percebes. Normalmente quando vêm cá os meus pais ou irmã, pois também eles são apreciadores! Só temos que ter cuidado ao comer, para não os espirrar ao abrir e salpicar o teto todo :). A receita que aqui apresente é muito simples e com apenas 3 ingredientes, pois assim mantém-se o sabor natural do percebe!

Pão com Chouriço

Por Carla Rocha

Eu não consigo resistir a um Pão com Chouriço acabado de fazer, transporta-me aos tempos de feira, em que a visita à banca do Pão com Chouriço era obrigatória. Agora no recolhimento em casa, a solução é mesmo fazê-lo e degostá-lo!

Frango Cacciatore

Por Carla Rocha

Este Frango Cacciatore é uma receita típica de Itália, bem saborosa e com um molho onde molhar o pão é obrigatório! Aqui em casa é um sucesso sempre que o faço, não sobra pedaço para contar. A mistura de sabores é tal, que só quem provar consegue perceber o quão boa é esta receita!

Pão de Ló Húmido de Chocolate

Por Carla Rocha

O Pão de Ló Húmido é o preferido da Joana, sendo de chocolate, ainda mais, pois junta dois coisas que ela adora. Este Pão de Ló Húmido de Chocolate é fácil e rápido de fazer e faz as delícias dos mais velhos. O problema é que acaba bem depressa!

Folar de Carnes

Por Carla Rocha

Típico da zona de Trás-os-Montes, o Folar de Carnes, é uma presença obrigatória na mesa da Páscoa. Este ano, não estava a pensar fazer, mas a consciência, não deixou passar. Nos últimos anos temos tido sempre folar salgado na nossa mesa. Este ano, não estando programado, usei os enchidos que tinha no frigorífico, pelo que não o vou categorizar como sendo de uma terra em particular. A massa, fiz a que já aqui partilhado no Folar de Valpaços, tendo reduzido a quantia para cerca de metade. O mais engraçado é que estava eu a fazer a massa, quando comecei a ver na televisão uma reportagem sobre este tipo de folar e as suas tradições, o que me deixou ainda com mais vontade de o fazer, pois defendo vigorosamente que temos que manter e perpetuar as nossas tradições, a nossa cultura. O que eu faço é que estou a construir as minhas tradições, as da minha família, que um dia será a herança preciosa da minha filha!

Pudim Abade de Priscos

Por Carla Rocha

Uma receita do século XIX que ganha cada vez mais adeptos, este Pudim Abade de Priscos é sem dúvida um ex-libris da Doçaria Conventual Portuguesa. Um pudim que tem tanto de saboroso como de calórico, que não sendo para comer todas as semanas, é indispensável na mesa dos portugueses nas ocasiões mais especiais como a Páscoa ou o Natal. Não é uma receita fácil de fazer, uma vez que tem alguma técnica, contudo vou tentar desmistificar esta receita, tornando-a acessível a todos. No instagram deixei os vídeos de todo o processo, para que não perca cada detalhe! Agora só tem que decidir fazer e deliciar-se com este Pudim Abade de Priscos.

Amêndoas Caramelizadas

Por Carla Rocha

Estas Amêndoas Caramelizadas são as preferidas da Joana. Aliás acho que não come amêndoas de mais nenhuma forma. Sempre que vamos à feira e está lá a banca das Amêndoas, pede logo um cartucho. É vê-la a fazer rendê-las. Eu confesso que também gosto muito, mas deixo-as para ela, coisas de mãe. Agora na Páscoa, são uma excelente alternativa às amêndoas de compra, não são nada difíceis de fazer, embora requeiram alguma paciência e cuidado para não deixar passar do ponto. Atrevo-me a dizer, que se experimentar, não vai comprar mais amêndoas fora!

Molho de Queijo

Por Carla Rocha

Esta é daquelas receitas que guardo para os dias em que nos apetece algo mais pecaminoso, um delicioso Molho de Queijo para acompanhar batatas fritas ou nachos. Desta vez, comemos género Steal n Sheak, com batatas fritas e bacon crocante. A receita é fácil e muito rápida de fazer, pelo que tendo os ingredientes e casa, rapidamente consegue servir este molho de queijo.

Regueifa Doce

Por Carla Rocha

A Regueifa Doce é uma receita típica do norte de Portugal, que se faz na altura da Páscoa. Em algumas aldeias, há a tradição dos padrinhos oferecerem a regueifa doce aos afilhados no domingo de Páscoa. Esta Regueifa Doce faz parte das memórias de Páscoa do Francisco e até hoje é o seu doce preferido da época. A receita desta Regueifa Doce foi-me passada por uma prima do Francisco, a Fernanda, a especialista da regueifa (e não só) da família. Eu até vir morar para a Maia desconhecia esta iguaria, mas agora faz parte da nossa mesa de Domingo de Páscoa. Dá algum trabalho a fazer, pois a massa não é muito fácil de trabalhar, pelo que na hora de amassar na bancada, é necessário fazer uso de farinha, enquanto se amassa e depois se molda a regueifa. O resultado final, vale bem a pena o trabalho, pois é um pãozinho doce, bem fofo, que aconselho vivamente a experimentar!