Categoria: Saladas

Categoria onde reunimos as receitas para preparação de fantásticas Saladas

Pizza Esbelta

Por Carla Rocha

Esta é uma deliciosa pizza fria, com uma base de espelta integral que foi cozida em cima do fogão. Esta Pizza Espelta, surgiu num almoço em que fiquei responsável pelas entradas, onde me lembrei de servir uma salada de forma diferente. Ora em vez de a servir numa taça, porque não fazer umas bases e comermos como se fosse uma pizza? foi isso mesmo que aconteceu e todos adoraram. O nome, saiu de uma brincadeira entre todos, fazendo alusão ao facto de a base ser de espelta e o facto de ser uma pizza saudável. Tal como eu fiz, pode fazer as bases com antecedência e depois montar as pizzas mais tarde, sendo que pode usar os ingredientes e fazer as combinações que mais gostar! Nos tempos de preparação não coloquei o tempo de repouso da massa para levedar, que anda à volta de 1 hora.

Salada em Camadas

Por Carla Rocha

Quando tive que dar o nome a esta salada para a colocar aqui no site, fiquei um pouco à deriva sem saber que nome lhe dar. O calor tem sido muito e só nos apetece pratos frios. Esta salada foi feita para um jantar de semana, onde reuni numa taça, em camadas, os ingredientes que tinha em casa: Alface, Cenoura, Pepino, Rabanete, Milho e Abacate. Como serviu de refeição principal, aproveitei para usar uns camarões cozidos que tinha no frigorífico e, como a Joana não gosta de camarão, grelhei na frigideira um peito de frango que já tinha temperado, tendo este sido feito com antecedência a tempo de estar frio na hora de consumir a salada. Talvez possa dizer que é uma salada para aproveitar o que tenho em casa, mas que agrada a todos e que pode ser feita como o que se tiver e usando combinações de ingredientes que combinem, o que depende muito do gosto de cada um! Em baixo pover na galeria fotografias de todas as camadas e também do molho.

Poke de Salmão

Por Carla Rocha

Depois de mais de um mês de quarentena, as saudades de sabores que gosto e que não costumo fazer em casa, como Poke ou Sushi, começam a apertar. Foi o desejo deste sabor mais ácido e de comer peixe crú, que me levou a preparar este Poke em casa e, bendita a hora que o fiz, pois vou voltar a fazer muito mais vezes. A receita foi baseada no delicioso Poke que a Teresa do Healthy Bites tem no site e que me fez comer com os olhos antes de poder degustar algo que se assemelhe. Para este Poke, comprei lombos de salmão congelados e deixei descongelar, de véspera, no frigorifico. Como base, usei arroz negro, mas fica igualmente bem com quinoa cozida. Aqui o importante é arriscarmos e fazermos! Para fazer o Arroz Negro, segui as instruções da embalagem, tendo usado 6x o volume de água em relação ao volume de arroz. A receita aqui apresentada é para 1 taça de Poke individual.

Cogumelos Salteados com Molho de Soja

Por Carla Rocha

Esta é uma receita fácil e rápida que costumo fazer para comer assim simples, como acompanhamento, ou como complemento de massa, que foi como foi consumida desta vez. Sendo eu apreciadora de cogumelos, tento ter sempre pelo menos uma embalagem deles frescos, pois em dias em que a inspiração ou a força de vontade estão a roçar níveis muito baixos, são sempre uma boa opção.

Ceviche de Salmão

Por Carla Rocha

O ceviche é um prato que não agrada a todos por diversos aspetos, sendo os dois mais comuns, poder ser feito com peixe cru, nesta receita salmão e, também pelo seu forte sabor ácido. Aqui em casa eu sou a única que gosto e fi-lo pela primeira vez para mim. Aproveitei um lombo de salmão descongelado que me sobrou de um Poke. Este é um detalhe importante, embora o peixe seja ‘cozinhado’ com o ácido, quando feito em casa, o ceviche deve ser feito com peixe descongelado e não fresco, é mais seguro. Ao congelar, o peixe está sujeito a temperaturas baixas que matam qualquer organismo nocivo. O que fiz, foi descongelar completamente o peixe no frigorífico, dentro da embalagem de vácuo que está acondicionado. Para o ceviche pode usar vários tipos de peixe, sendo os mais comuns e usuais de se fazer em casa, o salmão ou o atum.

Salada Quente de Quinoa e Abóbora Assada

Por Carla Rocha

Esta salada, comi-a pela primeira vez, num workshop da Joana Roque e foi de todas as receitas que fizemos, a que mais gostei. Tenho optado por a servir sempre quente, pois acho que acentua os sabores. Para complementar, o queijo feta e as azeitonas, dão-lhe um excelente toque final. Pode ser comida como acompanhamento ou mesmo sozinha, depende da fome que tivermos. O que interessa, é comer!

Panzanella

Por Carla Rocha

Esta deliciosa salada, de seu nome Panzanella, é uma receita típica da região da Toscana na Itália e é a opção ideal para os dias quentes de verão. A base passa por usar tomate, de diversas qualidades, pão e outros legumes. O uso do queijo é também uma boa opção, nós usámos feta, mas mozzarela ou burrata também combinam muito bem! Na receita que apresentamos, usámos pão ‘duro’ alentejano, com 3 dias, o qual transformámos nuns deliciosos croutons de alho. Para temperar, usámos como erva o manjericão fresco e temperámos com azeite, vinagre, sal e pimenta. Use a sua imaginação, aproveite o que tem em casa para a complementar.

Salada de Mini Tomate Chucha, Pepino, Gomásio e Manjericão com Burrata

Por Carla Rocha

Para mim, este tipo de salada serve vários propósitos: serve de entrada da nossa refeição, pode servir também para acompanhar a refeição ou pode ainda servir de refeição, quando acompanhada de algo mais, como por exemplo umas fatias de pão para a servir e fazer umas bruschetas. Você decide como a vai servir, apenas faça-a, pois a combinação é deliciosa!

Espetinhos Caprese com Gomásio

Por Carla Rocha

Adoro este tipo de receita, fácil, rápida e bem saborosa, daquelas que se fazem num ‘zás trás’. A particularidade nesta, é o uso do gomásio em substituição do sal. O Gomásio é um substituto saudável ao sal, uma vez que é feito com sal e sementes de sêsamo, na proporção de 1/10.