Tag: #sourdoughbread

Receitas de pão com fermento natural

Pão de Trigo Saloio

Por Carla Rocha

Este pão de trigo saloio, é um pão com fermento natural, em que todo o processo de amassar é em tudo semelhante aos outros cujas receitas já aqui estão, mas que ao nível do cozer, foi alvo de uma experiência. Foi o primeiro pão que cozi fora do tacho, em cima de uma pedra refratária. A temperatura foi demasiado elevada e a pedra ainda não estava suficientemente quente quando o coloquei em cima. Serviu de aviso para próximas cozeduras!

Pão 9 Cereais

Por Carla Rocha

Este pão é feito com uma farinha especial de 9 cereais das Farinhas Paulino Horta. A mistura é composta por farinha de trigo, milho, centeio e aveia e sementes de abóbora, girassol, linhaça, sésamo e soja. O aspeto final, é de um pão mais escuro, com um sabor acentuado a sementes. A massa obtida, é uma massa muito fácil de trabalhar, uma vez que não se pega às mãos.

Pão 100% Espelta

Por Carla Rocha

A massa do pão de espelta, até à data é a mais difícil de trabalhar no início, pois é a mais mole, pelo que deve trabalhar depressa e com as mãos bem húmidas. Também podemos dizer, que é dos pães mais saborosos que fazemos, pelo que a dificuldade é culmatada pelo resultado final. A farinha que usamos é a do Aldi, tipo 630, que é a indicada para fazer pão.

Pão de Trigo e Centeio

Por Carla Rocha

Todo o pão que seja feito com farinha de centeio, é um pão mais ‘pesado’ quando comparado com o pão de trigo, o que se traduz também, numa maior dificuldade na hora de amassar o pão, pois também a elasticidade da massa reduz. O pão que aqui apresentamos, sendo de mistura, seguimos a técnica normal de amassar que temos disponível em vídeo no nosso instagram.

Pão de Trigo T80

Por Carla Rocha

Este pão, conforme o título informa, foi feito com farinha de trigo T80 das Farinhas Paulino Horta. É uma farinha com alto índice de proteína, o que facilita o trabalho de amassar, pois absorve bem a água. O resultado final é um miolo um pouco mais escuro do que o pão de trigo normal, T55 ou T65, miolo esse que é bem firme. O tempo de repouso no frigorifico, foi de quatro horas e meia.