Método de Preparação: Forno

Receitas cujo método de confecção é no forno

Bolo de Especiarias

Por Carla Rocha

Este Bolo de Especiarias é o bolo ideal para acompanhar um chá a meio da tarde. É um bolo não muito doce, com um aroma divinal, certo mesmo que com um sabor de outono já a puxar para o Natal. Como em todos os bolos que faço segui alguns passos que acho essenciais: – Aquecer bem o forno, ligo-o sempre antes de começar a preparar a massa, com calor em baixo e em cima, salvo se a receita disser o contrário; – Preparar a forma igualmente antes; – Cozer o bolo na prateleira mais baixa do forno; – Esperar 15 minutos depois de tirar o bolo do forno, para o desenformar. Para mim, é uma rotina que não abdico quando faço bolos. Quanto ao Bolo de Especiarias, garanto-lhe que vale a pena experimentar, é o bolo ideal para ter em casa no fim de semana!

Tarte de Maçã Divinal

Por Carla Rocha

Tarte de Maçã Divinal porque é para lá de boa. Fácil de fazer e o resultado é tão, mas tão bom, que uma pessoa deixa acabar e já está a pensar quando vai voltar a fazer. O elemento chave para a diferença nesta tarte é o creme que envolve as maçãs, uma espécie de caramelo claro que lhes dá o doce de uma forma subtil e deliciosa. A massa é muito fácil de preparar, faz-se no processador de alimentos. No total o tempo gasto não é muito, desde que nos organizemos, creio que em 2 horas, desde o início ao fim, conseguimos colocar a tarte na mesa, a escaldar, claro está! A receita original não é minha é da Natashas Kitchen, que tem sempre receitas deliciosas :).

Broinhas de Frutos Secos

Por Carla Rocha

Juntei-me à Teresa do HealtyBites para, em conjunto, trazermos até si o Pão por Deus, também conhecida em algumas zonas, por Dia do Bolinho. Uma antiga tradição portuguesa de algumas zonas do nosso país, cheia de significado. Conhece? Uma tradição onde as crianças, à semelhança do que acontece no Halloween, batiam de porta em porta, pedindo alimento. No Pão por Deus, iam munidas do seu saquinho de pano e apregoavam cânticos, enquanto batiam a cada porta. A nossa sugestão e, porque em muitas zonas não se usa esta tradição, é que faça bolinhos, como estas broinhas, para distribuir pelas crianças, em vez das guloseimas industrializadas. A receita destas broinhas, também conhecidas por Merendeiras, é da zona de Leiria e descobria aqui na rede há uns anos.
No tempo de preparação, não contabilizámos o tempo do pré fermento, pois vai depender da temperatura ambiente.

Arroz de Pato

Por Carla Rocha

Arroz de Pato {receita}

Este Arroz de Pato foi a receita escolhida para comemorar o patamar dos 15000 seguidores no instagram sendo o post n°1000 na plataforma. Como não podia deixar de ser, uma receita especial, para um post especial. Um delicioso Arroz de Pato! Areceita é fácil de fazer e pode assistir ao vídeo no final da receita, para ver como o fiz. Espero que goste tanto como nós.

Tarte de Filo e Framboesas

Por Carla Rocha

Esta tarte de Filo e Framboesas é uma receita típica da Grécia, de seu nome Galatopita, sendo a original apenas com massa filo e creme custard. Nesta que aqui lhe apresento, adicionei framboesas, inspirada numa versão que vi na edição da Bon appétit. A receita tem dois momentos de cozedura no forno, um primeiro onde a massa coze sozinha e depois um outro para cozer o creme. Não pense que é difícil de fazer, pois é exatamente o contrário, bem fácil. O resultado final desta Tarte de Filo e Framboesas, é uma massa bem estaladiça, misturada com um saboroso creme. Pessoalmente gosto mais dela fria, mas pode servi-la morna, acompanhada com uma bola de gelado de baunilha, vai adorar!

Caponata

Por Carla Rocha

A Caponata é um prato típico italiano, mais precisamente da zona da Sicília, em que o ingrediente principal é a beringela, que é salteada juntamente com outros legumes. Na receita de Caponata que aqui lhe deixo, usei pimentos, mas pode usar, por exemplo, tomates. O azeite e o vinagre são obrigatórios, para lhe conferir um sabor típico. Pode comer a Caponata como entrada, em cima de tostinhas, ou até a pode juntar a massa simples ou quinoa, para fazer uma refeição mais leve.

Lombinhos de Pescada com Broa

Por Carla Rocha

Estes Lombinhos de Pescada com Broa é daquelas receitas fáceis de preparar, que enchem o olho e reconfortam o estomago. Foi feita sem planeamento, pois passei no supermercado na vinda do escritório e trouxe lombinhos de pescada congelados e broa de milho! Vou explicar, tim tim por tim tim, como a fiz, para que a possa replicar aí em casa!

Frango à Maricas

Por Carla Rocha

Esta é a minha versão de Frango à Maricas. Ao contrário do que é usual, não uso limão, pois não gosto de sentir o amargo do mesmo na carne, uso laranja. A receita é simples de preparar, não precisa de temperar o frango antecipadamente. Tempera-o na hora, mas tem de contar com bastante tempo de forno. Para mim 1h30m é o tempo ideal para que a carne fique tenra e suculenta, com uma pele estaladiça. Na descrição da receita ensino-lhe alguns truques. De resto é só ter tempo para deixar a casa perfumada, enquanto o Frango à Maricas assa.

Tomatinhos e Cogumelos Assados

Por Carla Rocha

Cada vez mais, os legumes assados tomam lugar à nossa mesa. Para além de bem saborosos, estes Tomatinhos e Cogumelos Assados, são bem fáceis de fazer e nada difíceis. São o acompanhamento ideal para carne ou peixe grelhado, ou até mesmo, para comer com ovos, se quiser optar por uma refeição vegetariana. Quando os faço vario nas ervas conforme o que tenho em casa, desta vez usei alecrim, mas ficam igualmente bons como orégãos ou tomilhos. Se nunca comeu, tem mesmo de experimentar!

Pound Cake

Por Carla Rocha

Um delicioso e cheiroso bolo, cuja receita original remonta aos anos 1700’s, adaptado aos dias de hoje. O nome ‘Pound Cake’ vem de uma medida de peso, o ‘pound’, que corresponde a 453,59 g. A receita original era feita usando o ‘pound’ como referência, medida que servia para todos os ingredientes 1 ‘pound’ de cada um deles: manteiga, farinha, ovos e açúcar. Em França este tipo de bolo é conhecido como o bolo dos ‘quatre-quarts’ (quatro quartos), também pelo facto de no original, todos os ingredientes terem o mesmo peso. Sendo uma receita antiga, esta foi passada de geração em geração, e adaptada aos tempos modernos, com novas proporções e a inclusão de outros ingredientes como o leite e a baunilha, neste caso.