Tipos de Farinha para Pão com Fermento Natural

16 de Junho, 2019 0 Por Carla Rocha
Tipos de Farinha para Pão com Fermento Natural

A qualidade da farinha que se usa para fazer o pão com fermento natural é fundamental. Já o é no pão normal, mas aqui acresce o sentimento de quanto mais natural, melhor.

Eu comecei por usar farinha de supermercado, tentei usar sempre uma farinha com uma elevada percentagem de proteína. Existe uma farinha própria para pão, da marca Jumbo, que tem 13g de proteína por 100g de produto, pacote azul na foto. É uma farinha de força de trigo T55, que era a farinha que sempre usei para fazer pão, cá em casa. É uma boa opção para quem não quer investir noutro tipo de farinha.

Esta questão da proteína, tem a ver com a resistência da farinha à água, isto é, quanto maior a quantidade de proteína, maior a capacidade de absorção da farinha à água. Talvez já tenham ouvido falar em farinha de força, pois bem, esta é uma farinha desse género.

Para pão de trigo, depois de algumas consultas e pesquisas, decidi começar a comprar farinha da marca Paulino Horta, embalagens grandes na foto. Normalmente uso a farinha de trigo T80, contudo na última encomenda e, para experimentar, encomendei a Farinha T80 Saloia e uma especial que tem de 9 cereais (farinha de trigo, milho, centeio e aveia e sementes de abóbora, girassol, linhaça, sésamo e soja).

O primeiro contacto que fiz com eles foi na sua página de facebook. As encomendas são feitas por email e são bastante rápidos a responder e esclarecer dúvidas.

Estou bastante contente com os resultados obtidos. Já experimentei fazer diversos tipos de pão, usando farinha de um tipo, ou misturando vários. Depois também é uma questão de gosto.

No pão com farinha de espelta, tenho usado sempre a farinha que o Aldi tem à venda, pacotes verdes na foto. Sei que o Lidl também já começou a comercializar, mas como comprei uma grande quantidade no Aldi (esteve algum tempo esgotada), agora tenho que a gastar 😊. Têm diferentes tipos desta farinha, inclusive integral.

Para o centeio e o milho, tive uma oferta estupenda. Tenho uma colega, cujos pais plantam e colhem estes tipos de cereais. A cereja no topo do bolo, é que têm em casa um moinho e tive o privilégio de receber uma oferenda destes dois tipos. Saiu uma broa magnifica!

No pão, como noutros alimentos, é necessário ajustar os gostos e os ingredientes que temos ao nosso dispor. Eu aqui por casa, vou fazendo experiências, com alguns falhanços à mistura, mas desistir não é opção.